Dia do papa: como celebrar

O líder da Igreja Católica é o Papa. Segundo a tradição bíblica, o primeiro a exercer essa função foi instituído pelo próprio Jesus, quando disse ao apóstolo Pedro: “Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja” (Mt 16,18). O pescador ancião aceitou o desígnio de Deus, e tornou-se chefe da Igreja de Cristo. É certamente por esse motivo que a Igreja escolheu o dia da memória litúrgica de São Pedro, 29 de junho, para celebrar o dia do Papa. Juntamente comemora-se a memória de são Paulo, sendo a celebração, a solenidade das duas colunas da Igreja primitiva: Pedro e Paulo.

Como Francisco gostaria que celebrássemos esse dia?

O atual sucessor de Pedro, o Papa Francisco, iniciou seu pontificado em 2013. Por sua vez, desde então, tem se revelado ao mundo como um líder humilde, predisposto à caridade e de muita espiritualidade.
Se tivéssemos a oportunidade de perguntar diretamente a Francisco – “Santidade, como devemos celebrar o dia do Papa?” – não é difícil de imaginar sua resposta: “Celebre esse dia com oração por vosso Papa e com a prática de obras de misericórdia”. Podemos concluir essa resposta por dois motivos.

Primeiramente, porque já na sua primeira aparição pública ao ser eleito chefe da Igreja, o Papa Francisco fez um apelo a todos que lhe ouviam. Antes de proferir a Bênção Apostólica Urbi Et Orbi, a bênção para a cidade de Roma e para o mundo, ele pediu que todos rezassem por ele. E seguidamente ao longo do seu pontificado, sempre que encontra uma oportunidade, pede que rezemos por ele.

Depois, por seu testemunho de humildade e caridade fraterna para com os necessitados. São frequentes as notícias de que o Papa se encontrou com os mais pobres ou motivou alguma obra caritativa. Certa vez, abriu as portas da Capela Sistina aos pobres da região. Ao completar 80 anos de vida, foi junto de um grupo de moradores de rua que se reuniu para comemorar seu aniversário, e assim ofereceu um dia especial para aquelas pessoas. E em Roma ele mandou instalar chuveiros, alguns banheiros, uma barbearia e até uma lavanderia para os mais carentes. A distribuição de alimentos também é uma prática constante do pontífice argentino.

O que podemos fazer concretamente?

Você pode organizar na sua paróquia um momento especial de oração pelo Papa Francisco. Pode ser a oração do terço, celebrar esta solenidade em ação de graças pelo seu pontificado, ou convidar os fiéis para um momento de adoração diante do Santíssimo Sacramento, pedindo que o Papa seja sempre a luz de Deus para a sua Igreja.
Para a prática de obras de misericórdia, a comunidade pode arrecadar alimentos ou roupas que podem ser destinados a entidades beneficentes ou às famílias mais carentes da paróquia. No momento da distribuição dos donativos, instrua aos que farão esta tarefa a pedirem àqueles que agradecerem por esse gesto que rezarem uma prece pelo Papa.

Diante das atitudes do Papa Francisco certamente o presente mais valiosos que podemos oferecer a ele neste dia é a nossa oração. E a homenagem que mais lhe agrada, sem dúvida, é a realização de uma obra de misericórdia em favor dos necessitados.

Que tal motivar ainda mais pessoas a celebrar esse dia tão especial?
Compartilhe este artigo nas suas redes sociais

 

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *